Espécie da Semana

Mamba negra, a cobra mais rápida do mundo

Nome científico: Dendroaspis polylepis
Nome comum: Mamba negra
Classe: Reptilia
Ordem: Squamata
Dieta: Pequenos mamíferos
Tempo médio de vida: 12 anos
Tamanho: Atingem em media 2,4-3m, podendo chegar ate ao 4,5m
Peso: Aproximadamente 1,6kg
Categoria da IUCN: Pouco preocupante


Descrição física

A Dendroaspis polylepis, mamba negra, é a maior cobra venenosa (cumprimento) de África e a segunda maior do mundo.
Os juvenis apresentam uma coloração cinza claro a verde-oliva, e à medida que vão crescendo tornam-se oliva escuro, castanho acinzentado. Possuem um veneno neurotóxico (assim designado porque é caracterizado por atacar o sistema nervoso), que é rapidamente absorvido pelos tecidos sanguíneos, causando paralisia dos nervos, especialmente daqueles que controlam a respiração e a frequência cardíaca.

Organização social

São animais solitários, interagem entre si apenas em épocas de reprodução ou de brigas entre machos.

Reprodução

São ovíparos, reproduzem-se no verão, sendo que nesta época a fêmea pode pôr entre 6-17 ovos, os quais demoram 80-90 dias para eclodirem.
O macho encontra a fêmea seguindo o seu rasto de odor, e ao encontrá-la passa a língua pelo seu corpo. É comum que em épocas de reprodução ocorram conflitos entre machos pelo direito de reproduzir com uma fêmea.
As crias nascem com 40-60cm de cumprimento e crescem rapidamente, podendo atingir 2m somente no primeiro ano. Nascem com glândulas de veneno completamente desenvolvidas sendo capazes de desferir uma mordida letal pouco tempo após ao seu nascimento.

mamba

Ecologia

Vivem principalmente no solo, mas também podem trepar árvores. Podem ser encontrados em fendas de rochas, cupinzeiros, troncos ocos e tocas abandonadas. Podem ocorrer tanto em savana seca e húmida como nas florestas de planícies.

Alimentação

São activas durante o dia quando estão a caçar. A caça é geralmente feita a partir de um covil permanente, ao qual o indivíduo volta regularmnete caso não seja perturbado.
É também a cobra mais ágil e rápida do mundo podendo mover-se a uma velocidade de 11 a 20km/por hora, velocidade usada para atacar suas presas, bem como para fugir quando se sente ameaçada.
Alimenta-se de mamíferos como ratos e morcegos, esquilos e pequenas aves. As presas são picadas uma ou duas vezes e a mamba espera até que o veneno faça efeito. Devoram a presa por completo, devido a flexibilidade da sua mandibula que permite que engula presas quatro vezes maior que sua cabeça. A digestão dura em média 8 a 10 horas.
São predadas por aves de rapina e outras cobras.

Distribuição

São comumente encontradas na África subsaariana. Em países como o Congo, Africa do Sul, Tanzânia, Etiópia, Moçambique, Zimbabué, Nigéria, Angola, Quénia, etc.

Ameaças

A mamba negra é um animal tímido, que prefere ficar longe do contacto humano. O aumento da população humana aumentou a invasão ao seu habitat, o que pode ser uma ameaça para esta espécie.

Medidas de conservação

Não existem medidas especificas para a conservação desta espécie.

Curiosidades

Estas cobras são chamadas de mamba negra devido à coloração no interior da sua boca.


Fontes